Logo Central do Franqueado2
  • Facebook Central do Franqueado
  • Copiar Link Central do Franqueado
  • Twitter Central do Franqueado
Central do Franqueado »Gestão de Franquias »Sustentabilidade em franquias: o que é, importância e como ser uma rede sustentável
Gestão de Franquias

Sustentabilidade em franquias: o que é, importância e como ser uma rede sustentável

8 min de leituraCarlos Griebler

Com os avanços do aquecimento global, queimadas e desflorestamento por todo o mundo, a sustentabilidade sempre surge como forma de combater esses processos através de mudanças e ações até mesmo em ambientes empresariais.

Dessa forma, muitas empresas e, é claro, franquias, começam a tratar o assunto de forma cada vez mais importante, adequando seus processos para causar o menor impacto possível no meio ambiente. Além de ser bem-visto pela sociedade, qualificando o valor da marca, ser uma franquia sustentável resulta no aumento da motivação dos colaboradores, fazendo-os vestir a camisa da empresa.

Neste artigo, você lerá sobre:

O que é sustentabilidade?

Sustentabilidade é pensar no futuro. Apesar de ter muitos usos e significados diferentes, o conceito de sustentabilidade se tornou um sinônimo para a gestão de recursos, de preservar o meio ambiente de forma que não comprometa os recursos naturais das próximas gerações.

Mas não se engane, ser sustentável não significa voltar para a idade da pedra onde o fogo era a maior tecnologia. A sustentabilidade é muito maior do que isso, é encontrar formas de contornar e compensar as ações do ser humano para atingir o objetivo de preservação. Ou seja, conservar o futuro de um processo enquanto continuamos a tê-lo como necessidade para nosso desenvolvimento.

Quer um exemplo de sustentabilidade? Ou melhor, dois? Pois, ações de sustentabilidade podem ser tanto individuais quanto coletivas. Um exemplo individual é o uso de sacolas retornáveis, algo possível de oferecer em sua franquia e que estimula o uso individual. Como forma de sustentabilidade coletiva, temos unidades de conservação, da flora ou da vida animal.

Além disso, existe o chamado tripé da sustentabilidade, que se baseia em três princípios para garantir o sucesso de uma ação sustentável no âmbito empresarial. São eles: o social, ambiental e econômico. Todos precisam interagir, então vamos conferir o que cada um significa:

  • Social: Envolve políticas públicas, diversidade, direitos humanos. Ou seja, as pessoas e a manutenção de sua qualidade de vida e questões de educação, saúde e segurança.
  • Ambiental: Engloba como os recursos naturais são utilizados pela sociedade, como a água e outras ações humanas que se conectam ao meio ambiente, como o uso da energia elétrica, emissão de gases poluentes, agricultura orgânica e a reciclagem.
  • Econômico: Tratando de empresas, é inerente falar de questões financeiras. Todas as ações citadas só são viabilizadas a partir do financeiro, como maquinários inteligentes que visam a redução de desperdícios.

Sustentabilidade empresarial

Além disso, vimos que a sustentabilidade se divide nos mais diferentes tipos, como a sustentabilidade ambiental e social, mas aqui vamos focar na sustentabilidade empresarial. Ou seja, como uma franquia, por exemplo, pode tomar ações sustentáveis e manter seu bom funcionamento.

Empresas cada vez mais estão buscando esse crescimento sustentável e adequações, e é claro que isso tem uma motivação. Consumidores estão se conscientizando e exigindo que empresas elaborem serviços e ações sustentáveis que proporcionem um ganho à sociedade e caiam no gosto dos consumidores.

Dessa forma, se torna essencial pensar e estudar estratégias adotadas por empresas que tiveram sucesso nesse tipo de implementação, para a franqueadora desenvolver as melhores formas de estabelecer a sustentabilidade por toda a cadeia de unidades e operações da rede, qualificando a reputação do seu produto e reduzindo perdas na produção.

É necessário se espelhar em grandes empresas, como a Natura ou a Unilever que apresentam ações e programas de sustentabilidade em suas linhas de produção que diminuem o impacto na natureza, mesmo assim mantendo um alto faturamento e grandes estoques e gastos com recursos naturais.

Qual a importância de ser uma franquia sustentável?

Além de, obviamente, estar fazendo o bem pelo meio ambiente e o próprio futuro do planeta, adotar ações de sustentabilidade acompanham mais uma série de benefícios para sua empresa e para o mundo. Confira!

Aumento no lucro

Graças a metodologia de trabalho que motiva a equipe e otimiza os processos da rede, é natural um aumento na produtividade. Com isso, esse aumento no desempenho da empresa resulta diretamente no aumento do lucro de toda a rede de franquias.

Além disso, o lucro também se potencializa com a diminuição das despesas a partir de ações sustentáveis, como menor desperdício de água, de recursos naturais e energia.

Gestão de marca

Tudo que você, franqueador, mais deseja é uma boa reputação para sua rede de franquias. Assim, a possibilidade de ela cair no gosto dos consumidores e começar a gerar ainda mais lucro, é muito maior. Nesse sentido, a sustentabilidade surge como auxílio no processo de gestão de marca, que visa tornar a franquia conhecida, respeitada e desejada por muitos.

A sustentabilidade se torna uma vantagem competitiva, diferenciando sua rede de negócios que apenas se preocupam com lucro e os aproxima. O mercado está cada vez mais competitivo, por isso ações que destacam as empresas precisam estar em constante desenvolvimento. Inovação, qualidade e sustentabilidade são palavras-chave nesse momento.

Processos mais eficientes

Sustentabilidade também passa muito pela otimização. Otimizar a qualidade, produtividade e, principalmente, os processos que compõem o dia a dia de uma franquia. Se você reduz as perdas de mercadoria ou a velocidade com a qual produz em sua linha de produção, sua empresa se torna mais sustentável e seus processos mais eficientes. É uma via de mão dupla, certo?

Fidelização de clientes

Como vimos, o público clama por empresas sustentáveis, que respeitem o planeta. Portanto, a sustentabilidade tem sido uma bandeira para os consumidores da qual não abrem mão na hora de criar uma laço com a empresa. Além de oferecer um produto de qualidade, um atendimento excelente, é necessário lembrar que questões como sustentabilidade pesam na hora do consumidor se fidelizar.

Expansão da franquia

De acordo com o Santander, ser uma empresa sustentável em um futuro próximo será tão crucial para a preservação do planeta e o desenvolvimento social que, deixá-la de lado, pode significar falência. No franchising, onde o principal objetivo da franqueadora é expandir, é possível imaginar o tamanho do problema de ficar para trás na sustentabilidade. 

Isso também vale na outra visão, a de expansão da franquia. A oportunidade de ingressar em uma franquia com uma gestão eficiente e sustentável acaba atraindo mais investidores e potenciais franqueados, pois investidores procuram onde o público está.

Como adotar a sustentabilidade em sua rede?

Para começar a tornar sua empresa sustentável, é necessário implementar um conceito básico nesse meio: a transparência. Para demonstrar a realidade do impacto ambiental e social que sua franquia está propondo, o público precisa enxergar isso através de seus processos. 

Porém, não é expondo isso de forma gratuita que você conseguirá essa confiança, mas sim aos poucos, com pequenas ações que demonstram que a rede realmente se importa com as ações propostas. Sabendo disso, é possível seguir um pequeno passo a passo para atingir a sustentabilidade. 

1. Comece de cima

As pessoas mais importantes dentro da organização precisam ser exemplos. Para começar, políticas de conscientização são fundamentais para engajar seus colaboradores a respeito do tema, tornando a sustentabilidade objetivo de todos.

exemplos no dia a dia, pense a respeito até mesmo da infraestrutura do local em que a empresa está instalada, se ele é adequado para o meio ambiente. Avalie os resíduos que a empresa cria, se estão sendo despejados no local correto para descarte ou reciclagem. Sustentabilidade é isso, desde o ar-condicionado utilizado na empresa até ações de doação propostas pela franquia.

2. Busque fornecedores sustentáveis

Aqui está uma peça-chave. Ao realizar a homologação de fornecedores para sua cadeia de unidades, procure por aqueles que ofereçam opções sustentáveis. É claro que muitas vezes pode ser um tanto utópico, mas uma franquia realmente sustentável é assim desde os primeiros momentos da linha de produção, independente da unidade.

3. Prevenção de perdas

Outra prática muito importante, tanto para o lucro da franquia quanto para a sustentabilidade, é a prevenção de perdas. Perdas de mercadoria acontecem todos os dias, seja por má gestão de estoque ou exageros na produção, muito acaba sendo desperdiçado. Isso, se reduzido, significa uma despesa a menos e um ponto de sustentabilidade a mais para toda a rede de franquias.

4. Adote a tecnologia 

A tecnologia se tornou uma ótima aliada no combate aos desperdícios e atingir um maior nível de sustentabilidade. Papéis estão sendo substituídos por documentos eletrônicos, reuniões presenciais agora podem ser realizadas de casa e toda a comunicação virtual se torna uma arma poderosa na gestão de uma franquia.

Nós, da Central do Franqueado, sabemos da importância de tornar uma franquia sustentável, seja como uma boa gestão de compras, com a possibilidade de comunicação virtual, gestão de projetos e muito mais de forma totalmente online com nosso sistema para franquias.

Economize tempo e mantenha seu processo de compras efetivo e padronizado!

Se tiver dúvidas, que tal bater um papo conosco? Teremos o prazer de apresentar nossa plataforma, criada para tornar mais prática e ágil a gestão de franquias.

Author Avatar
Carlos Griebler

Redator em Central do Franqueado