COOKIE IN BOX

Segmento:

Alimentação

Formato:

Dark Kitchen/Quiosque

Sede:

São Paulo

Inauguração

da Empresa:

2020

Ingresso no

Franchising:

2021

Unidades:

11

Dados da Franquia - COOKIE IN BOX

Segmento:Alimentação
Investimento:R$ 10.000,00 a R$ 100.000,00
Retorno:4 a 30 meses
Taxa:R$ 50.000,00 a R$ 50.000,00
Taxa de publicidade:de 0 a 5%
Royalties:de 0 a 5%
Faturamento médio:R$ 100.000,00

Sobre a franquia - COOKIE IN BOX

Cookie in Box, um modelo de franquias “Dark Kitchen”, quiosques e lojas de fácil operação, com um produto comprovadamente desejado e bem avaliado.

Com forte apelo e grande mercado a ser explorado no Brasil.

O modelo de negócio chama a atenção pela sua fácil operação, alta lucratividade e rentabilidade.


A Cookie in Box possui 9 Dark Kitchens (6 Home based + 2 dedicadas + 1 Quiosque).


Escala e Velocidade

Focados em ganho veloz de escala, desenvolvemos 6 modelos de negócios franqueáveis e de fácil operação.

7 para pontos de venda e 1 para franqueamento a fábrica, que é artesanal.


Pontos de Venda:

  • - Dark kitchen (Home based): Distribuição e vendas pelo ifood direto da sua casa;
  • - Dark Kitchen Dedicada: Locação de cozinha dedicada para o business;
  • - Quiosques: Para supermercados e galerias
  • - Lojas: Para rua, supermercados e galerias
  • - Tendas, Food Truck e Bike: para rua e eventos


Fábrica: Modelo franqueável de produção.

Ex.: A Fábrica matriz está localizada em São Paulo. Com o modelo de franqueamento de fábrica é possível estarmos em qualquer região do Brasil. Montamos uma fábrica no local desejado e cuidamos da captação dos franqueados interessados em abrir pontos de vendas próximos a nova fábrica. Pronto, os nossos cookies podem chegar em qualquer região do Brasil de forma padronizada, rápida, lucrativa e rentável.


  • Operação simples e enxuta (Fábrica e ponto de venda)
  • Poucos equipamentos
  • Atendimento e fábrica não requer alta qualificação profissional
  • 95% de Materia prima não perecível (Fábrica)
  • Produto com alta durabilidade (Congelado após transformado) 
  • Baixa perda de produto
  • Excelente CMV e margem de lucro


Franquia de Sucesso

Com o fechamento dos comércios, bares e restaurantes, o delivery era a única maneira permitida pelo governo para que as pessoas pudessem receber alimentos, remédios, entre outros produtos sem sair de casa. Neste momento, inúmeros estabelecimentos foram fechados e milhares de empregos foram ceifados. Entendendo que a forma de fazer negócios e se relacionar comercialmente passava por uma transformação digital obrigatória, o casal deu início à uma empreitada focando na oportunidade do momento.
Com a experiência de desenvolvimento de negócios digitais de Gabriel e a experiência gastronômica de Aline, eles pensaram em 3 pilares para fundamentar a hipótese:
- Transformação de negócios gastronômicos em negócios digitais: Transformar qualquer cozinha em fontes de rendas inserindo os restaurantes no universo das vendas através dos aplicativos de delivery;
- Produto de grande aceitação: Desenvolver um produto de grande aceitação que pudesse contribuir com a promoção da felicidade das pessoas que, trancados em casa, só podiam receber produtos através do delivery;
- Modelo de negócio descomplicado, enxuto e possível para todos: Criar um modelo de negócios de fácil operação, baixo custo, enxuto e com alta escalabilidade e que este pudesse se tornar uma alternativa como fonte de renda para quem teve seus empregos e renda comprometidos durante as fases mais severas das restrições governamentais na pandemia.

Seguindo todos os passos de uma startup de sucesso, os fundadores investiram por 1 ano em testes de produto.

Nasceu então a Cookie in Box, um modelo de franquias “Dark Kitchen”, quiosques e lojas de fácil operação, com um produto comprovadamente desejado e bem avaliado.
Com forte apelo e grande mercado a ser explorado no Brasil.
O modelo de negócio chama a atenção pela sua fácil operação, alta lucratividade e rentabilidade.

Processo de seleção de franqueados

  1. Interesse;
  2. Apresentação;
  3. Ficha Cadastral;
  4. Análise Interna;
  5. Envio da COF (Circular de oferta de franquia);
  6. Test Drive (unidade piloto);
  7. Negociação;
  8. Pré contrato;
  9. Contrato;
  10. Treinamentos;
  11. Operação.

Perfil do franqueado

  • Investidores e Empreendedores com ou sem experiência no ramo;
  • Disponibilidade para gerenciar o empreendimento e o time ou que disponibilize alguém para tal função;
  • É importante que o candidato possua boas habilidades com vendas, administrativas e gerenciais, porém, se não este não possuir a empresa possui uma universidade EAD para auxiliar;
  • Eles também devem possuir noções financeiras que evidenciem sua capacidade para operar e conduzir o negócio.
Conheça outros segmentos


Entre em contato conosco para:
  • Modificar o conteúdo da pagina
  • Impulsionar a expansão da sua marca com a captura de leads
  • Maiores informações de como você pode acelerar a sua expansão

Links úteis