Formulário Enviado com sucesso!

Franquias Baratas: os melhores negócios para investir com pouco capital

Nenhuma franquia encontrada

Com cada vez mais oportunidades de negócio surgindo em novos formatos, o setor de franquias continua inovando e oferecendo negócios de sucesso. Assim como a inovação, o franchising é referência quando o assunto são negócios baratos. Ou seja, dentro do mercado de franquias há opções de empreendimentos para os mais variados bolsos, inclusive quem tem pouco capital para investir.

Por este motivo, separamos esta lista de franquias baratas e iremos falar sobre como o franchising é uma ótima opção para o empreendedor que busca sua oportunidade. Confira e conheça mais este mercado de sucesso.

O que são franquias baratas?

As franquias consideradas baratas são aquelas que se encaixam no perfil de microfranquias. Esta categoria se refere àquelas franquias que requerem um investimento inicial de até R$ 90 mil. Apesar de ser considerada uma modalidade dentro do setor, as microfranquias são reguladas pela mesma legislação do franchising e necessitam cumprir as mesmas regras para funcionamento.

Para definir o cálculo do investimento de uma franquia, são somados três fatores:

  1. Capital de instalação;
  2. Taxa de franquia;
  3. Capital de giro.

Com base nessa categoria, diversas redes começaram a disponibilizar opções de franquias neste formato. Muitas redes possuem as opções de investimento mais altas, como lojas e etc. e as franquias no modelo até R$ 90 mil.

Com isso, se formam dois grupos de redes de franquias: as mistas e as puras. As mistas são referentes a essas redes que possuem modelos acima de R$ 90 mil e outras que este valor é o investimento máximo. Já, as puras, são franquias desenvolvidas com o objetivo de oferecer um negócio essencialmente nessa faixa de preço, que são as chamadas microfranquias.

Por que investir em uma franquia barata?

O mercado de franchising já é um sucesso por si só. Somente no ano de 2019, o setor alcançou um faturamento de R$ 186,755 bilhões. Ao alcançar este número, o mercado de franquias obteve um crescimento de 6,8% em relação ao ano anterior. Isso já é um motivo para optar por empreender neste setor de sucesso.

Porém, o sucesso do mercado não é o único atrativo para empreendedores, principalmente os de primeira viagem. Ao comprar uma franquia, a franqueadora concede o direito de uso da marca, know-how e manuais ao franqueado. Portanto, investir em uma franquia é apostar em um negócio já testado e que já obteve sucesso no mercado, o que diminui expressivamente os riscos para o empreendedor.

Abaixo, iremos citar algumas vantagens de investir em uma franquia.

Facilidade de desenvolver o negócio

Empreender por meio de um negócio próprio é algo que exige preparação e experiência. Não é possível alcançar o sucesso com um empreendimento iniciado do zero se o empreendedor não tiver conhecimentos em gestão, administração financeira e etc. Além disso, ele precisa desenvolver planejamentos, estratégias de mercado, identidade da marca, entre outras funções essenciais para o negócio dar certo.

Já por meio de uma franquia, como já falamos, o investidor adquire um negócio testado e pronto. A franqueadora, ao vender uma unidade da sua rede, presta suporte para instalação do negócio, realiza treinamentos e transmite todo o know-how que faz o negócio se manter. Ou seja, o empreendedor de franquias não necessita de experiência em gestão e poderá desenvolver suas habilidades como gestor enquanto trabalha em seu negócio. Isso faz com que seus esforços sejam apenas direcionados a gerir sua unidade e desenvolver suas habilidades para fazer o negócio crescer.

Custo reduzido

Como estamos falando especificamente de franquias baratas, fica claro que um empreendimento neste formato possui um investimento menor. Ao invés de ter que gastar com desenvolvimento de estratégias de marketing, pesquisa de mercado e desenvolver a estrutura do zero, o empreendedor apenas compra o direito da franquia.

Sendo assim, os custos serão apenas os royalties pagos à franqueadora e uma pequena porcentagem para investimento em marketing. Isso faz com que os custos sejam muito menores do que em um negócio próprio, que demanda investimento no desenvolvimento do negócio do zero. Com as diversas opções de franquias baratas, o franchising faz com que o sonho de muitas pessoas que sonham em empreender se torne realidade.

Baixo risco

De acordo com Fundação Getúlio Vargas (FGV), dois terços das empresas que abrem no Brasil acabam fechando com menos de dois anos de funcionamento. Os riscos que uma empresa corre ao atuar no Brasil são muitos e frequentemente, o empreendedor não está preparado para eles e acaba tendo que fechar seu negócio.

Com uma franquia, estes riscos se tornam muito menores. Afinal, ao comprar uma franquia o investidor não está investindo no escuro, a marca já está consolidada e tem seu espaço no mercado. Isso faz com que as franquias sejam muito mais atrativas para quem busca pouco risco. Ainda mais se tratando de franquias baratas, onde os formatos são enxutos e otimizam recursos, as chances de sucesso são bem mais prováveis.

Treinamento e preparação

Provavelmente você já ouviu falar em “fórmulas secretas” e “receitas para o sucesso” de marcas no mercado, principalmente as mais famosas como o McDonald’s, por exemplo. Pois investindo em uma franquia é exatamente isso que o franqueado recebe. Os treinamentos e manuais passados pela franqueadora buscam transmitir o conhecimento necessário ao investidor para operar o negócio.

Portanto, por meio do suporte prestado pela rede, os franqueados não ficam sozinhos necessitando buscar estratégias que funcionem no negócio. Tudo o que o empreendedor precisa para ter sucesso na operação da rede já é passado pela franqueadora. Isso influencia na padronização típica do mercado do franchising e na sua capacidade escalável de expandir um negócio.

Formatos de franquias baratas

Como característica de franquias baratas, a versatilidade de formatos dentro deste modelo é muito vasta e se aplica aos diferentes perfis de empreendedor. Portanto, ao escolher a franquia que você deseja investir, é preciso realizar uma auto-análise para compreender o seu perfil e qual os objetivos e formas de trabalhar que você busca.

Para isso, o franchising oferece diferentes formatos de atuação, desde os mais tradicionais até os mais inovadores que vêm surgindo com o processo de digitalização da economia. Confira abaixo quais os formatos disponíveis neste modelo de franquia.

Lojas físicas

Muita gente acredita que, com o crescimento do e-commerce – consequência do desenvolvimento de apps de marcas – as vendas online de produtos estariam superando as convencionais,  e que, por isso, não valeria a pena investir no modelo.

No entanto, segundo dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), as lojas convencionais continuam sendo o principal formato utilizado pelos consumidores na hora de efetuar suas compras.

No franchising, cerca de 70% das vendas ocorrem presencialmente. Só para se ter uma ideia, cerca de 88% das unidades brasileiras de franquia funcionam dessa forma.

Então, não deixe de considerar o método tradicional como uma opção. Afinal de contas, ele continua sendo uma forma eficiente de impactar novos públicos.

Vantagens

As lojas são formatos muito flexíveis e contemplam os serviços da maioria dos segmentos de franchising. Seu grande diferencial diz respeito à oferta de serviços e produtos. As vitrines, por exemplo, são eficazes na atração de clientes e no estabelecimento de uma identidade visual da marca. A experiência de marca para o consumidor é otimizada e os clientes podem se sentir mais engajados com a empresa.

Desvantagens

Os investimentos envolvendo a instalação e o funcionamento de uma loja são bastante expressivos. Eles envolvem a manutenção do local, eventuais reformas, pagamento de aluguel e demais gastos com a padronização da unidade. Além disso, encontrar um bom ponto comercial pode demandar bastante trabalho.

Por estes motivos, as lojas físicas, principalmente aquelas que possuem grandes estruturas, podem não ser atraentes para investidores iniciantes. Sem falar que o fracasso de unidades nesse formato traz mais prejuízo, tanto para o franqueado, quanto para a rede.

Quiosques

Os quiosques são espaços menores normalmente montados em meio a locais com grande circulação de pessoas. No entanto, engana-se quem acha que eles se restringem às microfranquias. Afinal de contas, muitas marcas grandes apostam na estratégia. Exemplos são a rede Chiquinho Sorvetes e a Chilli Beans, com os óculos.

Os quiosques são ótimas opções de expansão para marcas que pretendem expandir suas unidades para cidades pequenas. Para investidores, o ponto positivo se dá pelo fato de a opção ser financeiramente mais viável.

Vantagens

Além de terem menor custo de aluguel, manutenção, reformas e instalação, os quiosques dão menos dor de cabeça ao gerente. Menos funcionários precisam ser contratados, menos questões precisam ser resolvidas e a gestão se torna muito mais fácil para empreendedores que são iniciantes.

Desvantagens

Encontrar lugares apropriados para a instalação dos quiosques não é uma tarefa exatamente fácil. O formatoo é bastante específico e só funciona em locais de grande circulação. É por isso que, normalmente, eles são encontrados em shoppings.

Seu espaço também é bastante restrito e não combina com muitos segmentos. A área que pode ser utilizada para a produção é pequena e não possibilita que determinadas experiências sejam oferecidas ao consumidor.

Food Trucks

Os food trucks (caminhão de comida) passaram a ser adotados por diversos empreendedores do ramo da alimentação. A estrutura é bem mais barata que uma loja física, mais fáceis de instalar e tem o diferencial de poder ser deslocada onde o público se encontra.

Trata-se de um formato ideal para redes que procuram uma expansão rápida e também para os empreendedores que buscam oportunidades de investimento mais em conta.

Vantagens

Como comentamos no início do texto, a principal vantagem do formato está relacionada à sua possibilidade de fácil replicação e expansão. Isso, devido a três principais fatores:

  1. Baixos custos de instalação, principalmente com unidades formatadas em trailers e vans, de redes de franquias com fácil produção de produtos;
  2. Exposição das lojas ao consumidor, em eventos fechados ou espaços públicos, a partir da contratação de organizadores de eventos ou da permissão da prefeitura dos municípios;
  3. Mobilidade da unidade, pois afinal, ela é um veículo que pode se locomover a qualquer local.

Desvantagens

Em determinados casos, manter um food truck pode acabar saindo mais caro do que manter uma loja convencional. Os custos de manutenção nesse formato envolvem dois aspectos: os valores da estrutura e, principalmente, a manutenção do veículo.

Se os custos de manutenção de um carro são consideravelmente altos, imagine os de um caminhão. Carregar carga e locomover a unidade com frequência certamente demandará ajustes ao veículo. O empreendedor deve estar preparado para abrir o bolso, a fim de mantê-lo funcionando adequadamente. Caso contrário, a funcionalidade da loja pode ser prejudicada.

Containers

Os containers são opções de espaços comerciais que demandam custos menores de instalação e manutenção. Você provavelmente já viu restaurantes funcionando dessa forma em rodovias, shoppings centers e até mesmo em grandes centros. Isso porque dentro do segmento de alimentação, os containers atendem à necessidade de infraestrutura e oferecem a praticidade que o cliente precisa.

Vantagens

O principal atrativo das franquias em container é o baixo valor de investimento. Os custos de instalação, manutenção e as taxas de franquia também são menores do que se comparados às unidades completas.

Outra vantagem é que, por fugirem à regra, funcionam como um grande chamariz para investidores, principalmente em tempos de instabilidade econômica. Além disso, algo que faz a diferença nos containers é sua praticidade, não apenas de instalação, mas também de funcionamento.

Dessa forma, o formato é uma opção com ótima relação custo benefício, especialmente para aqueles empreendedores que estão recém embarcando no universo das franquias.

Desvantagens

Embora as franquias em container pareçam ter mais vantagens do que desvantagens, elas também possuem suas fraquezas. A primeira delas diz respeito ao limite de espaço.

Como são pequenos, os containers filtram a possibilidade de adaptação de algumas empresas para o formato. Não é toda rede de franquias que consegue operar no tamanho que ele oferece. Isso porque, em poucos metros quadrados nem sempre há espaço suficiente para a produção e para o estoque de produtos.

Uma consequência do pequeno limite de espaço é a padronização rígida das unidades de containers. Nessas lojas, não existe a possibilidade de grandes especificidades em cada ponto, justamente porque os espaços são semelhantes em todas as localidades.

Franquias Home Office

Dizer que ter uma unidade de franquia nunca foi tão fácil é uma afirmação cada vez mais certeira. Hoje em dia, muitos franqueados gerenciam suas unidades de dentro de suas próprias casas.

As franquias home-based (em português, “franquia doméstica”) também demandam um contrato, investimento em materiais específicos da rede e o alinhamento dos serviços. Entretanto, os negócios que se encaixam nesse perfil, muitas vezes necessitam de uma simples sala para funcionar. Ela pode ficar na própria residência do operador.

Normalmente, as franquias home based são franquias de entrega de serviços. O formato não tem limitações para a expansão da rede. É claro: para que o formato funcione, é preciso muita disciplina por parte do franqueado.

Vantagens

Não existe a preocupação com o aluguel de imóveis. A contratação de funcionários é bastante reduzida, podendo ser até nula.Além disso, os investimentos para a instalação de unidades home-based são os mais baixos do franchising. Muitas vezes não, chegam a nem a 10 mil reais.

Desvantagens

Funcionar em home-based não é para qualquer segmento do franchising. Se enquadram em franquias domésticas apenas uma quantidade limitada de redes. Normalmente elas oferecem serviços que são entregues na casa dos consumidores: faxinas, serviços de manicure e cursos EAD. Para que tudo fique nos conformes, deve haver controle por parte da franqueadora e bastante disciplina por parte do franqueado.

Segmentos de franquias baratas

SEGMENTO FATURAMENTO 2018 (em bilhões) FATURAMENTO 2019 (em bilhões) CRESCIMENTO
Alimentação 45,827 48,399 5,6%
Saúde, Beleza e Bem Estar 31,907 32,214 7,2%
Serviços e Outros Negócios 24,924 27,001 8,3%
Moda 22,931 24,228 5,7%
Hotelaria e Turismo 12,632 13,286 5,2%
Serviços Educacionais 11,410 12,239 7,4%
Casa e Construção 10,020 11,019 10%
Serviços Automotivos 5,894 6,316 7,2%
Comunicação, Informática e Eletrônicos 5,485 6,034 10%
Entretenimento e Lazer 2,537 2,568 5,4%
Limpeza e Conservação 1,386 1,451 4,7%

Estas foram as melhores opções para iniciar o seu negócio sem muito dinheiro. Confira outras opções de franquias em nosso portal e entre em contato com os responsáveis da que você se interessar.

Nome Segmento Investimento Retorno do Investimento Taxa de Franquia
#1 LAVANDERIA Limpeza e Conservação 26.900,00 12 a 18 meses 12.000,00
BUBBLE MIX TEA Alimentação 20.000,00 15 meses 10.000,00
IS ENTREGA Serviços e Outros Negócios 5.000,00 6 meses 1.500,00
BAIRRO TEM Serviços e Outros Negócios 11.000,00 06 a 18 meses 10.000,00
SOFASEC Limpeza e Conservação 25.000,00 18 a 24 meses

franquias selecionadas