Tendências do mercado de franquias para 2019: no que apostar?

Quer abrir um negócio em 2019 e está pensando em apostar no mercado de franquias? Concordamos que gerenciar uma marca que já está estabelecida é muito mais fácil do que começar algo do zero. Então, chegou a hora de se aprofundar em sua pesquisa e entender o que poderá trazer maior lucratividade no próximo ano. A Central do Franqueado preparou este conteúdo para ajudar você a conhecer as principais tendências do mercado de franquias para 2019. Confira quais formatos estarão em alta, segmentos e também tecnologias que poderão facilitar a gestão da sua franquia nos próximos meses.

A nossa proposta é fazer você se sentir motivado e seguro para investir em uma franquia onde possa realizar seus sonhos. Afinal, dados confirmam que o franchising continua sendo uma ótima escolha. Quer ver só?

Podemos garantir com todas as letras que o futuro do mercado de franquias no Brasil é seguro e promissor. De acordo com dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), somente no terceiro trimestre de 2018, o setor movimentou R$ 44,7 bilhões. Um crescimento de 6,3% em relação ao mesmo período do ano anterior. O número é cinco vezes maior que a estimativa de aumento do PIB brasileiro para o mesmo período, que é de 1,2%.

A previsão de crescimento do faturamento total do franchising para o fechamento deste ano é de 10% se comparado a 2017. Um avanço de 3% no número de unidades de franquias e também de 3% no número de empregos gerados no mercado. Um importante impulso para a economia do país.

Mas se, de acordo com a ABF, apenas 45% dos municípios brasileiros possuem franquias, ainda existe muito a ser explorado no país. Algo que se torna realidade ao passo que novos investidores, como você, embarcam nesse mercado.

Neste conteúdo, nós iremos abordar os seguintes tópicos:

Formatos

Se você quer abrir franquia investindo pouco, pode optar por quiosques ou microfranquias. Opções compactas e acessíveis para todos os perfis de empreendedores. Saiba mais sobre esses dois formatos que são fortes tendências no mercado de franquias em 2019!

Quiosques

Baseado na proposta de compra rápida, os quiosques ganham cada vez mais adeptos. Instalados em áreas de grande circulação de pessoas, como shoppings e centros comerciais, são ideais para quem busca praticidade.

Fáceis de gerir, montar, organizar e limpar, funcionam como alternativa para quem não tem capital para abrir comércio em espaço físico maior.

Como exigem investimentos mais baixos, são indicados para investidores iniciantes que buscam um negócio acessível e seguro. Os custos de montagem e manutenção de quiosques são bem menores e recuperar o investimento realizado demora muito menos tempo do que ter retorno de uma loja convencional.

A variedade de redes de franquias que estão optando por esse formato está cada vez maior. Passa por franquias do ramo da alimentação, saúde, cosméticos e comércio de acessórios.

Quiosque Cheirin Bão

A Cheirin Bão é uma franquia de café artesanal que teve origem em Minas Gerais. Funciona em quiosques com fogão a lenha, lamparina, sacas de café, chaleiras e moedor de grãos. Tudo para tornar a experiência do cliente mais próxima à cultura mineira.

  • Investimento total: R$ 89 mil
  • Taxa de franquia: Incluída no investimento
  • Faturamento médio: R$ 27 mil
  • Retorno do investimento: 11 a 16 meses
  • Royalties: R$ 1 mil fixos
  • Área mínima: 7 m²
Vale Ler:  Conheça o perfil do empreendedor de franquias

Microfranquias

Um fator determinante para o sucesso do franchising brasileiro é seu caráter de inovação e de renovação de tendências a cada ano. Um exemplo disso é a ascensão das microfranquias.

Também chamadas de franquias baratas, são negócios que exigem o investimento máximo de R$ 90 mil. Por serem consideradas versões enxutas de unidades de franquia, demandam menor capital de investimento por parte do franqueado e são adaptáveis a mais pontos comerciais.

Com condições favoráveis para empreendedores com pouco capital, as microfranquias vêm aparecendo com mais intensidade nos últimos anos. Segundo dados da ABF, o número de microfranquias no Brasil aumentou 45% entre 2013 e 2016. E assim como os quiosques, as microfranquias também apresentam opções variadas de negócios. No Brasil, cerca de 600 marcas já oferecem unidades de franquia nesse molde.

Dr. Fiscal

Focada em empresas do Simples Nacional, a Dr. Fiscal é uma franquia de plataforma tecnológica. Com 5 milhões de regras fiscais em seu algoritmo e mais de 32 milhões de produtos, facilita a emissão de NFes (notas fiscais eletrônicas) e pagamento de tributos.

  • Investimento mínimo: R$ 20 mil (já incluída a taxa de franquia)
  • Faturamento médio mensal: Variável
  • Retorno do investimento: de 12 a 18 meses
  • Royalties: R$ 954,00

Snack Saudável

Com cardápio variado, a Snack Saudável é a maior rede de franquias de alimentação saudável infantil do Brasil. Prepara lanches e realiza entregas diretamente nas escolas. Um prato cheio para pais que desejam cuidar melhor da educação alimentar dos filhos.

  • Investimento total: a partir de R$ 72.900,00
  • Taxa de franquia: R$ 25 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 25 mil
  • Retorno do investimento: Lucratividade de 20 a 30% mensais
  • Royalties: R$450,00 nos seis primeiros meses e R$900,00 nos demais
  • Área mínima: 60 m²

Segmentos de mercado

Outras grandes tendências no mercado de franquias em 2019 passam pela mudança de comportamento do consumidor. Muito mais focado em seu próprio bem-estar, o cliente hoje quer se alimentar melhor e encontrar meios de facilitar sua rotina. Por isso, destacamos a seguir os segmentos de mercado que se tornaram apostas para o próximo ano.

Culto ao bem-estar

É tempo de se sentir bem e é isso o que a maioria dos clientes, hoje, estão buscando no mercado de modo geral. Por isso, redes de franquias que oferecem saúde e bem-estar como alimentação funcional, exercícios físicos e serviços de beleza estão em alta nos Estados Unidos.

O culto ao bem-estar foi uma tendências destacadas na 58ª Convenção Anual da IFA (International Franchise Association) em fevereiro.

Acesso Saúde

De olho na oportunidade de atender brasileiros que não têm plano de saúde, a Acesso Saúde vende convênio médico sem mensalidade. Hoje, está presente em 12 estados brasileiros e já intermediou mais de um milhão de atendimentos.

  • Investimento mínimo: R$270 mil a R$480 mil
  • Taxa de franquia: 120 mil
  • Retorno do investimento: de 18 a 24 meses
  • Royalties: 5% do faturamento bruto ou R$ 3.500,00 mínimo
  • Área mínima: 200 m²

Depile-se

Com a proposta de acabar com a dor de métodos tradicionais de depilação a Depile-se é uma franquia voltada ao público feminino. Com produtos próprios e um ambiente que proporciona bem-estar, usa um método de depilação único no país.

  • Investimento mínimo: R$ 101.960,80
  • Faturamento médio mensal: R$ 48 mil
  • Retorno do investimento: a partir de 10 meses
  • Área mínima: 30 m²
Vale Ler:  Qual a hora certa para entrar em uma franquia da moda?

Educação para o futuro

Já parou para perceber como o mundo mudou nos últimos anos? Para atender aos desafios de um mercado de trabalho cada vez mais dinâmico e veloz, é preciso estar preparado. E essa preparação passa pelo aprendizado de tecnologias como inteligência artificial, internet das coisas, programação e robótica.

Muitos especialistas acreditam que a educação do futuro pode ser a bola da vez no mercado de franquias. Com isso, crescem as redes que oferecem programas de ensino modernos para públicos diversos.

Buddys

A Buddys é uma franquia de escola de tecnologia especializada no ensino de programação e robótica para crianças e adolescentes. Um lugar em que os alunos podem aprender a criar aplicativos, jogos e desenvolver o raciocínio lógico.

  • Investimento: a partir de R$ 150 mil
  • Taxa de franquia: R$ 30 mil (já incluído no investimento)
  • Faturamento médio: acima de R$ 40 mil
  • Retorno do investimento: 24 meses
  • Royalties: 12%
  • Área mínima: 50 m²

Inovação

Produtos e serviços que fogem do comum formam o segmento de franquias de inovação. Se enquadram por aqui as marcas diferentonas do mercado, como aquelas que vendem serviços de secretária virtual, quiosque de games, padaria pet, entre outros.

Chocolate Lugano

Referência em chocolates finos, a franquia Chocolate Lugano surgiu em Gramado (RS). Com o diferencial de unir em um só lugar chocolateria e cafeteria, já chegou a oito estados e no Distrito Federal. Uma marca reconhecida pela criatividade em sua linha de produtos.

  • Investimento mínimo: R$ 250 mil
  • Taxa de franquia: a partir de R$ 50 mil
  • Retorno do investimento: a partir de 24 meses
  • Área mínima: 80m²

Japesca

Com a proposta de afastar a sofisticação de sashimis, sushis e temakis, a franquia Japesca é um fast-food de comida japonesa. Nascida em Porto Alegre (RS), oferece alimentação saudável e segura com preços acessíveis para os clientes.

  • Investimento mínimo: R$ 300 mil
  • Taxa de franquia: R$ 50 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 120 mil
  • Tempo de retorno do investimento: 15 a 24 meses
  • Royalties: 7%
  • Área mínima: 80 m²

Ótica São José

Formada por especialistas em óculos, a Ótica São José é uma franquia atualizada sobre as novas tendências do segmento. Atualmente é considerada a maior rede do ramo do Sul do Brasil.

  • Investimento mínimo: 200 mil loja de rua 300 mil loja Shopping
  • Taxa de franquia: 46 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 60 mil em média 90 mil
  • Retorno do investimento: 15 a 306 meses
  • Royalties: 6% sobre o faturamento bruto
  • Área média: 40 m²

Alimentação saudável e orgânicos

Entender os movimentos do mercado e as necessidades de públicos cada vez mais específicos são dicas essenciais para quem quer abrir uma franquia. Considerando o aumento da busca por uma vida mais saudável, pesquisar redes de alimentos saudáveis e orgânicos também é um caminho.

Só para você ter uma ideia do impacto desse segmento aqui no Brasil, o país ocupa o quinto lugar no ranking mundial de vendas de bebidas e alimentos saudáveis. De acordo com um estudo da Euromonitor, o mercado de alimentação saudável cresceu 98% entre 2009 e 2014.

Segundo dados do Conselho Brasileiro da Produção Orgânica e Sustentável (Organis), em 2017, o setor de orgânicos faturou R$ 3,5 bilhões no mercado nacional. Em 2016, o número era de R$ 3 bilhões. E no primeiro ano do levantamento, em 2010, R$ 500 milhões.

Vale Ler:  Franquias de Entretenimento, Brinquedos e Lazer

Atualmente, a compra de produtos orgânicos se tornou uma tendência entre um determinado perfil de consumidores. Pessoas que optam pela compra, mesmo que esses alimentos sejam mais caros que produtos convencionais. Para o consumidor, o custo-benefício de um produto também está no quão saudável ele demonstra ser.

Com isso, muitas empresas emergem. Redes de franquias de produtos saudáveis estão em constante crescimento no mercado. No Brasil, o nicho dos orgânicos é o de maior crescimento nos últimos cinco anos, com aumento de 18,5% em seu faturamento (veja mais dados e exemplos de franquias do segmento aqui).

Balanceado

Sem radicalismo, o Balanceado é uma franquia de alimentação saudável e funcional. Destaca em suas receitas as propriedades nutricionais dos alimentos para que os clientes façam escolhas que atendam às suas necessidades.

  • Investimento médio: de R$ 300 mil (loja) a R$ 700 mil (restaurante)
  • Taxa de franquia: R$ 50 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 110 mil
  • Royalties: 5%

Divina Terra

Referência em alimentação saudável, a Divina Terra vende produtos naturais e suplementos cuidadosamente selecionados. A granel, gourmet, integrais, naturais, orgânicos, sem glúten, sem lactose, entre outros.

  • Investimento total: de R$ 420 mil a R$ 650 mil
  • Taxa de franquia: R$ 60 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 90 mil
  • Retorno do investimento: 24 a 36 meses
  • Royalties: 3%
  • Área mínima: 135 m²

Outras tendências do mercado de franquias em 2019

Por último, mas não menos importantes, estão as tendências que podem melhorar a gestão e aumentar as vendas da sua franquia. Estamos falando da evolução das tecnologias e sobre como elas impactam na experiência do consumidor. Um contato que não acontece apenas durante a compra, mas também antes e depois dela.

E-commerce

O bom relacionamento da empresa com seus clientes é a melhor forma de mantê-los por perto. E isso pode ser conquistado por meio do uso de tendências como o e-commerce, loja virtual que facilita o processo de compra e venda. Um meio que também é extremamente útil para selecionar os consumidores mais fiéis e beneficiá-los com promoções exclusivas e outras vantagens.

Para redes de franquias, a tecnologia do e-commerce facilita a entrega de produtos, possibilitando a retirada de pedidos nas unidades mais próximas ao consumidor. Entre essas e outras soluções, a presença de franquias na internet torna mais prático e acessível o contato entre as duas partes. Mais do que nunca, vale a pena investir em estratégias para tornar mais agradável a experiência do cliente. Lembre-se: muitas delas são feitas online.

Plataformas online

A internet também permite melhorias na gestão de redes de franquias. Plataformas online, como a Central do Franqueado, são ideais para a comunicação entre o franqueador e franqueados. Aperfeiçoam até mesmo o controle de qualidade e a padronização das unidades de uma mesma rede. A Central oferece diferentes funcionalidades para atender às necessidades do franqueado e também do franqueador. Para conhecer a ferramenta, clique aqui.

E aí, ficou animado com a possibilidade de investir em uma franquia no próximo ano? Saiba que além dessas tendências, existem muitas outras dicas para que conquiste uma jornada de sucesso no franchising. Fique por dentro desse universo e entenda mais sobre o mercado acessando o nosso blog. Boa leitura!

Entenda Sobre as Taxas de Franquias