Como calcular o Retorno sobre o Investimento (ROI) em uma franquia

O ROI (sigla em inglês para Retorno sobre o Investimento –  Return On Investment) é algo que pode determinar se o empreendedor interessado irá ou não investir em uma empresa. Mesmo se tratando de negócios conhecidos, o PayBack deve ser calculado para que as expectativas do investidor não sejam frustradas e seu bolso não saia prejudicado. Confira nosso conteúdo e saiba como calcular o ROI no franchising!

O que você precisa saber é que o ROI depende de algumas variáveis. É fundamental que o empreendedor saiba calcular o tempo que o dinheiro investido irá demorar para se tornar lucro. Para isso, deve deve ter em mente o valor das taxas que irá pagar ao franqueador, o capital de giro necessário para manter sua unidade abastecida por fornecedores, bem como quanto irá aplicar na instalação da loja.

Entre esses e outros fatores, são calculados o ROI e o PRI (Prazo do Retorno do Investimento). Os indicadores devem ser obrigatoriamente analisados para que o investidor tenha mais segurança e seu negócio mais tempo de vida.

Pensando na importância do planejamento financeiro, preparamos esse conteúdo para explicar um pouco sobre os cálculos de ROI e PRI. Se você está pensando em investir, tenha o cuidado. Não esqueça de avaliar minuciosamente quanto você dispõe de capital em relação a quanto uma unidade da rede demanda para funcionar. Vamos lá?

Como calcular o ROI: o que pôr no papel?

Ao investir em uma unidade de franquia, o empreendedor terá que arcar com custos obrigatórios, como a instalação da loja e as taxas que deverão ser pagas ao franqueador, as quais constam na Circular de Oferta de Franquia. Incluir esses fatores na situação financeira do investidor é o primeiro passo para calcular precisamente o retorno do investimento da franquia. Considerá-los também é uma forma de evitar gastos excessivos e desnecessários por parte do franqueado. O que, afinal, deve ser posto no papel?

1) Taxa de franquia

A taxa de franquia é uma taxa obrigatória que deve ser paga ao franqueador, a fim de que o franqueado tenha o direito de utilizar a marca para a instalação e operação da nova unidade. Seu valor é sempre bastante considerável, portanto, deve integrar o cálculo de retorno de investimento.

2) Capital de giro

Este é o valor que diz respeito ao mínimo necessário para o funcionamento da unidade de franquia. É necessário incluí-lo como parte do investimento realizado pelo franqueador, pois esse dinheiro é utilizado para pagar fornecedores e manter o estoque da loja, por exemplo. Sem capital de giro, nenhum negócio sobrevive, sendo ele um valor de investimento primordial para todo empreendedor.

3) Ponto comercial

A aquisição do ponto comercial de atuação da nova unidade é responsabilidade do franqueado. Isso pode ser uma dor de cabeça. É importante analisar qual a melhor opção: alugar ou comprar um imóvel. Às vezes, um pode sair muito mais caro do que o outro. Independentemente, esse valor está dentro do investimento e deve ser posto no cálculo de retorno. Não esqueça de pensar no dinheiro que será utilizado para a manutenção e instalação desse ponto comercial, bem como de eventuais reformas.

4) Royalties

O pagamento dos royalties da franquia é algo que deve ser feito religiosamente, de acordo com o contrato estabelecido entre franqueador e franqueado. Normalmente, os royalties são uma porcentagem do lucro mensal da unidade – ou seja, é um valor que sai do que o franqueado obtém.

  • Dicas: É interessante que o empreendedor se informe a respeito da progressão das unidades da rede na qual irá investir, a fim de que tenha uma noção de como sua loja irá crescer. Logo, um bom ponto de partida para prever o retorno do investimento é conversar com outros franqueados. Além disso, o empreendedor que não se sente seguro com sua organização financeira pode contar com a ajuda do suporte da rede.

Calculando o ROI no Franchising

A taxa de franquia, o capital de giro, os custos de instalação da loja e os royalties fazem parte do cálculo quantitativo de retorno financeiro que o investidor irá obter a partir de sua unidade de franquia. É importante lembrar, entretanto, que o valor do ROI depende também da qualificação do empreendedor na gestão do negócio e também do tempo investido no trabalho. O esforço e a eficiência do franqueado fazem toda a diferença nas taxas de retorno. Elas podem ser elevadas mais rapidamente com dedicação e empenho do gestor e seus funcionários.

O retorno do investimento é determinado através de uma estimativa e de uma porcentagem a ser extraída do lucro. A porcentagem de retorno deve ser posta em relação a alguns anos de funcionamento da unidade. Por exemplo, colocando em estimativa a renda obtida em três anos de operação, considerando uma porcentagem de 20% de retorno por ano em detrimento ao valor total investido na franquia. Se você investiu um total de R$200 mil na franquia, os 20% de retorno a serem esperados seriam R$40 mil por ano, chegando a R$120 mil no período de três anos.

É importante, na verdade, que o valor anual seja acima do estimado, levando em conta a compensação do mercado atual. Caso contrário, ao não atingir o ROI, o empreendedor pode estar em risco em relação aos investimentos realizados. É por isso que investir em uma franquia é um assunto bastante delicado: escolher o negócio certo não é uma tarefa fácil e ninguém está imune do fracasso.

Calculando o PRI – prazo de retorno do investimento

Um cálculo mais básico que serve como indicador de atratividade do negócio para investidores é o PRI. Ele demonstra o tempo necessário para que o empreendedor recupere tudo o que investiu. O Prazo de Retorno do Investimento é obtido sob a forma de unidade de tempo e consiste, basicamente, numa modalidade de cálculo inversa à da rentabilidade. Por exemplo: se uma empresa tem um PRI de 36 meses, isso significa que três anos após o início das atividades, o empresário terá recuperado, sob a forma de lucro, tudo o que gastou no empreendimento.

Para calcular o PRI de um investimento é preciso utilizar o valor do capital aplicado. E é claro, não esquecer de levar em conta as taxas já mencionadas no texto.

Fórmula de cálculo para o PRI:

  • PRI = Investimento Total / Lucro Líquido.
  • Exemplo: Investimento total de R$200 mil e lucro líquido de R$80 mil por ano.
  • PRI = 200.000 / 80.000 = 2,5 (dois anos e meio é o prazo de retorno total).

No franchising, um bom índice de PRI está entre 24 e 36 meses de prazo, considerando redes de franquias já estabelecidas no mercado. Entretanto, não existe um padrão de resultado definido para redes, afinal, cada negócio é um negócio.

Novamente, o que é viável é a definição de uma estimativa que inclua todos os valores investidos na unidade. Algumas franquias saem mais caras do que outras. Portanto, se você está interessado em investir em uma rede, escolha aquela que vai de acordo com seu perfil financeiro. Lembrando que: dinheiro no caixa da unidade não significa necessariamente o retorno do seu investimento inicial. O investidor deve arcar com suas obrigações contratuais.

Mais importante do que tudo que foi apresentado no texto é que o interessado em investir em franquias pesquise. Antes de calcular o retorno de investimento da franquia pela qual você está interessado, conheça o trabalho de outros franqueados. Fique por dentro de todas as taxas, ponha no papel tudo o que deverá sair do seu bolso.

Investir em um negócio é apostar no retorno a longo prazo.”

Alguns segmentos de mercado, por mais que pareçam interessantes, podem não ser a melhor escolha para você. Leia e entenda mais a respeito do ROI e do PRI das unidades das redes pretendidas. Querendo ou não, é sua situação financeira que dará o aval para que você assine o contrato e comece a  trabalhar.

Além disso, lembre-se: investir em um negócio é apostar no retorno a longo prazo. Acima de tudo, confie no que você está fazendo e no seu potencial como gestor. É fundamental que você acredite no seu trabalho.

Enriqueça seu conhecimento lendo mais sobre gestão e administração de franquias no nosso blog! Confira o nosso conteúdo sobre as franquias de sucesso.

Software para Franquias - Peça sua Demonstração agora!