Plano de ação: como utilizar a metodologia 5W2H na sua franquia

Descubra como implementar um plano de ação na sua rede de franquias utilizando a metodologia 5W2H.

A metodologia 5W2H é uma espécie de checklist com perguntas claras e objetivas que ajudam a construir um mapa de atividades para ajudar você a resolver um problema. O nome do método está relacionado às iniciais em inglês das sete diretrizes que comandam a ferramenta.

Metodologia 5W2H

Quando bem estabelecidas, as respostas para essas questões ajudam a resolver quaisquer dúvidas que possam aparecer ao longo da ação. A metodologia é útil para realização e controle de processos, o que é essencial em uma franquia.

Para colocar em prática a metodologia 5W2H é necessário ter em mente as causas do problema. Todas as etapas devem ser realizadas de maneira cuidadosa. Afinal de contas, um único erro pode comprometer todo o processo.

Quer um exemplo de como utilizar a metodologia 5W2H? Então vamos lá!

Exemplo prático

Imagine uma rede de franquias que atua no segmento de alimentação. Em determinado momento, a franqueadora e seus franqueados chegam à conclusão que estão faturando pouco e precisam aumentar as vendas.

É realizada uma análise na qual se descobre que a causa do problema é a falta de ações de marketing efetivo. De posse destas informações, os gestores propõem um plano de ação para desenvolver uma campanha para toda a rede.

What (o quê)?

É o item mais fácil de ser preenchido, pois está relacionado ao próprio objeto da ação, neste caso, uma campanha de marketing.

Who (quem)?

Este campo deverá ser preenchido com o nome do responsável pela ação. E aqui é importante ressaltar uma coisa fundamental: por mais que o plano seja posto em ação por uma equipe, o campo deve ser preenchido com o nome de apenas uma pessoa, que é quem irá se responsabilizar por colocá-lo em prática.

When (quando)?

Qual o prazo que será disponibilizado para a concretização desta campanha? Para definir este campo, os gestores precisam levar em consideração alguns pontos importantes:

  • Qual a complexidade da ação?
  • Qual o tamanho da equipe que irá executá-la?

Assim como o campo anterior, aqui é interessante você ser objetivo e definir uma data exata.

Why (por que)?

Por qual motivo a ação está sendo realizada? O que está levando os gestores a gestar tempo, dinheiro e esforços para colocá-la em ação?

Além do objetivo inicial – neste caso o de aumentar as vendas – é interessante que seja assinalado outros motivos que possam direcionar as ações, como por exemplo:

  • fortalecer o conceito da marca;
  • agregar valor aos produtos;
  • atingir novos clientes;

Where (onde)?

O “onde?” que deve ser preenchido neste campo está relacionado ao espaço físico que irá sofrer a ação. Ou seja, em que locais o plano de marketing será efetivamente executado.

Alguns artigos relacionam este campo a uma espécie de “who (quem)” mais abrangente. Ou seja, referem-se ao setor da empresa responsável pela ação – setor de marketing. Esta interpretação está equivocada.

How much (quanto)?

Diz respeito a quantidade de dinheiro que a empresa irá gastar para pôr o plano em ação. Conhecendo orçamento que tem disponível, a equipe consegue planejar as ações de forma mais eficaz.

Para definir os valores, é importante que os gestores tenham em mente algumas outras informações.

  • Quantas pessoas irão ser atingidas pela campanha?
  • Quantos clientes que podem ser atraídos?
  • Qual o ticket médio da empresa?
  • Qual o percentual de lucro sobre as vendas?

O custo de aquisição por cliente nunca pode ser superior ao valor obtido ao se multiplicar o percentual médio de lucro pelo ticket médio. Caso contrário, a empresa terá prejuízo.

How (como)?

Quais as atividades serão necessárias para colocar a ação em prática? De posse das informações anteriores, a empresa pode definir os caminhos que serão seguidos no decorrer do plano.

Plano de ação na CENTRAL DO FRANQUEADO

A plataforma de gestão da Central do Franqueado também utiliza a metodologia 5W2H para estruturar o plano de ação. O método aparece automaticamente após cada auditoria realizada.

Se uma pergunta não está conforme ou não atingiu a nota máxima, o administrador tem a opção de abrir um plano de ação para ela com todas as perguntas previstas.

Com a Central do Franqueado, para complementar a efetividade do plano de ação, você pode ainda criar um treinamento específico, adicionar um manual com orientações, agendar uma nova auditoria e enviar um comunicado para toda a rede.

Quer saber mais sobre a plataforma, conhecer planos e opções? Fale conosco pelo WhatsApp!

Gostou do conteúdo? Então entre no nosso blog e confira diversos outros materiais sobre o universo do franchising.

Vale Ler:  Como se dá a participação dos franqueados nas decisões em redes de franquias?
Sistema para Franquias - Peça agora uma Demonstração!