Conheça os segredos por trás da rede McDonald’s

A Central do Franqueado vai falar um pouco sobre a maior rede de franquias do mundo e a primeira que vem à sua cabeça quando o assunto é fast food. Sim, estamos falando do McDonald’s – Méqui para os mais íntimos. Descubra os segredos que transformaram a empresa em uma das marcas mais reconhecidas e admiradas do mundo.

Neste conteúdo você vai conferir os seguintes tópicos:

McDonald’s: números da empresa

O McDonald’s é a maior cadeia de fast foods do mundo, com mais de 37 mil lojas espalhadas por 119 países. Atualmente, a rede é responsável por alimentar, diariamente, um contingente equivalente a um terço da população brasileira – 68 milhões de pessoas por dia.

Em 2018, o McDonald’s obteve um lucro global de US$ 5,924 bilhões – R$ 24 bilhões pela cotação de 10/2019 -, registrando um crescimento de 14% em relação ao ano anterior. 

Um relatório divulgado pela BBC, em 2012, classificou o McDonald’s como o segundo maior empregador do mundo, atrás apenas da Walmart. Estima-se que a rede empregue cerca de 2 milhões de pessoas ao redor do planeta.

Franquia McDonald’s: processo de seleção

No Brasil e em toda a América Latina e Caribe, a responsável pela operação das franquias do McDonald’s é a holding Arcos Dourados, que tem sede em Montevidéu, no Uruguai. 

Para se tornar franqueado da marca, você precisa passar por um processo seletivo que dura aproximadamente um ano. São pelo menos seis passos:

  • Inscrição no site: Antes de qualquer coisa, é necessário preencher um questionário no site da Arcos Dourados. Se o seu perfil for compatível com os requisitos da marca e houver oportunidades próximas ao local onde você reside, o responsável pelo Departamento de Franquias da rede irá entrar em contato para marcar uma entrevista pessoal.
  • Conhecendo a rotina: O aspirante a franqueado é convidado a passar três dias acompanhando o funcionamento de um restaurante McDonald’s. A dinâmica tem o objetivo de ajudar o interessado a avaliar a rotina de uma unidade. É durante esta etapa que ocorre a entrevista.
  • Avaliação do perfil: O candidato é submetido à equipe de assessoramento da rede. A função dos recrutadores é avaliar a competências e o background dos candidatos.
  • Entrevista: Antes de dar início ao treinamento efetivo, o candidato ainda é convidado a passar por uma série de entrevistas com os executivos da rede. Feito isso, é hora de o candidato ir para a principal etapa do ciclo.
  • Treinamento: Uma vez aprovado para se tornar um franqueado McDonald’s, o candidato é encaminhado para imersão para aprender tudo sobre o negócio. A instrução ocorre em Centro de Treinamento e dura 36 semanas.
  • Recebimento de chaves e inauguração: Após assinar o contrato de franquia e obter o direito de operar a marca McDonald’s, você irá receber as chaves do restaurante designado e, finalmente, começar a operar o seu negócio.

Franquia McDonald’s: quanto custa?

A Arcos Dourados não divulga em seu site os valores necessários para se tornar franqueado do McDonald’s. No portal da Associação Brasileira de Franchising (ABF), no entanto, o montante referido como o mínimo para se abrir uma loja é R$ 2,5 milhões.

História da empresa

A história do McDonald’s começou a ser escrita em 1937, pelos irmãos Maurice e Richard McDonald. O embrião do negócio foi uma pequena barraca de hot dogs aberta no município de Arcadia, estado da Califórnia, nos Estados Unidos.

Três anos depois, em 1940, a dupla de proprietários resolveu mudar de ares e expandir o negócio. Foi então que inauguraram a primeira unidade do McDonald’s, na cidade de San Bernardino, a 80 quilômetros de Arcadia.

O McDonald’s teve dois divisores de água que demonstraram-se decisivos para a rede se tornar o gigante que é hoje. O primeiro ocorreu em 1948.

Início do Fast Food

Após verificarem que cerca de 85% do faturamento do restaurante era proveniente da venda de três artigos: hambúrgueres, milk shakes e batatas fritas, os proprietários resolveram fechar o estabelecimento por alguns meses, reformular o sistema produtivo e focar apenas nos três produtos principais.

Foi então que surgiu o sistema de produção rápida. O controle de qualidade nesse modelo de preparação de era muito rígido. Cada sanduíche deve possuir a mesma quantidade de molho e de vegetais. Os hambúrgueres passam a ser cuidadosamente controlados para terem o mesmo peso e tamanho.

Em vez de fazerem os seus pedidos de dentro do carro e aguardarem de 20 a 30 minutos até os lanches ficarem prontos, os clientes agora dirigiam-se até um balcão e recebiam a encomenda imediatamente.

O sistema de produção rápida com montagem em série tornou o McDonald’s um sucesso instantâneo. A ideia acabou revolucionando todo o mercado de restaurantes dos EUA e do mundo.

Fome de Poder

Em 1954, o vendedor Ray Kroc conhece o McDonald’s durante uma viagem a San Bernardino. Convencido de estar diante de uma ideia com muito potencial, ele convence os irmãos Maurice e Richard a expandir o restaurante para todo os EUA por meio do franchising.

Além de tornar-se franqueado, Kroc passa a gerir a rede e oferecer o negócio a novos investidores. Em 1961, ele compra a rede dos irmãos McDonald por US$ 2,7 milhões, se tornando o único proprietário. Dois anos depois, surge um dos maiores símbolos da marca, o palhaço Ronald McDonald’s.

O ano de 1967 marca a inclusão no cardápio do maior clássico o do McDonald’s, o Big Mac, e a inauguração da primeira unidade fora dos EUA, aberta no Canadá. Em 1971, surgem os primeiros restaurantes da rede em três continentes: Ásia, Europa e Oceania. A América do Sul e a África ganham suas primeiras lojas nos anos de 1979 e 1994, respectivamente.

McDonald’s no Brasil

A primeira unidade do McDonald’s no Brasil foi inaugurada em fevereiro de 1979, no Rio de Janeiro. Atualmente, a rede conta com cerca de 2,5 mil unidades no país – 950 lojas e o restante quiosques -, emprega algo em torno de 50 mil funcionários e atende cerca de 2 milhões de clientes diariamente.

Lições para se aprender com o McDonald’s

Conforme mencionado ao longo do conteúdo, um dos maiores motivos por trás do sucesso do McDonald’s é o rígido controle de qualidade estabelecido pelos gestores e a padronização de toda a rede.

A Central do Franqueado é uma ferramenta que ajuda você a prestar o suporte necessário para os seus franqueados. Desta forma, é mais fácil garantir a padronização das unidades. Nada melhor para o sucesso de sua marca do que seguir os exemplos das grandes empresas.

Quer conhecer a Central? Então clique no link e saiba mais sobre os nossos módulos.

E aí, gostou do nosso conteúdo? Então acesse o nosso site e confira diversas informações sobre o universo do franchising. Aproveite para ler o nosso artigo sobre Procedimento Operacional Padrão.

Solicite uma Demonstração para sua Rede de Franquias!