Gestão de conhecimento em franquias: capacitando franqueados e funcionários

O sucesso de uma rede de franquias depende do empenho e da expertise de todos. Tanto o trabalho do franqueado quanto do funcionário de uma unidade devem seguir um padrão de excelência para que haja controle de qualidade na empresa. A gestão de conhecimento prepara os profissionais e otimiza a performance em rede. Saiba mais!

O franchising é um formato de gestão que comprovadamente funciona. Os números demonstram o crescimento de um mercado que evolui cada vez mais, ao passo que redes de franquias se modernizam e qualificam o trabalho em rede.

A tecnologia consegue, com sucesso, facilitar processos que envolvem a função de franqueadores, franqueados e funcionários. Mas, independentemente do quão moderna sejam a produção e gestão da rede, são a eficiência e inteligência dos profissionais que determinam a qualidade da empresa: tanto na elaboração de estratégias de crescimento, quanto nas tarefas cotidianas das unidades.

O conhecimento técnico e mercadológico, ao ser disseminado em rede, qualifica a produtividade de todos e, por consequência, agrega valor aos produtos e serviços oferecidos.

A transmissão de know-how em franquias é algo pensado por táticas de gestão de conhecimento. O aprendizado de franqueados e funcionários é parte necessária da expansão em rede, a fim de que as unidades funcionem no padrão de qualidade da empresa.

Programas de treinamento, afinal, são feitos para isso, sendo o exemplo mais básico de gestão de conhecimento no franchising. Mas, sempre há algo a ser evoluído – ainda mais em meio à competitividade cada vez mais acirrada do mercado. Desenvolver a expertise de todos os profissionais de franquias, então, é algo necessário para a sobrevivência da empresa.

O trabalho de gestão de conhecimento é, além de tudo, um trabalho preventivo. A organização de uma metodologia de ensino que sirva para proporcionar informações a respeito de problemas que possam surgir durante o cotidiano da unidade de franquia é uma forma de trazer autonomia para franqueados e funcionários. Assim, podem ser evitadas complicações vindas por falta de suporte e dúvidas operacionais, por exemplo.

Transmitir e desenvolver a expertise em rede, no fim, é transformar resultados. Mais do que o aumento nas vendas, é obtido o melhor aproveitamento dos recursos da empresa, a partir da formatação de estratégias com mais direcionamento e precisão.

Gestão de conhecimento para decisões estratégicas

Nenhuma empresa funciona com o mesmo planejamento para sempre. As tendências do mercado estão sempre mudando, principalmente em relação a tecnologias. Quem dita quais são os ‘produtos do momento’ são os consumidores. Eles, por sua vez, trocam de preferências a todo o instante. O gestor que não observa, perde vendas para a concorrência – e no franchising, ela é intensa.

Por isso, é essencial que franqueadores tenham conhecimento e organização para tomar novas decisões estratégicas, muitas vezes, em momentos inesperados. Isso se consegue através do estudo, da capacitação e, então, da gestão de conhecimento na empresa.

Gerir conhecimento em redes de franquias é muito mais do que oferecer treinamentos a franqueados, mas também, desenvolver visão de mercado e alinhar informações sobre concorrência e possíveis colaboradores. Fazer networking é agregar saberes que podem ser úteis para a elaboração de campanhas e mudanças internas.

Dica

Fazer uso de um sistema de gerenciamento de informações é uma boa forma de analisar dados relevantes para a tomada de decisões em franquias. A Central do Franqueado possibilita a visualização de resultados de cada uma das unidades da rede. Saiba mais aqui.

Gestão de conhecimento para otimizar rendimento de franqueados e funcionários

Os treinamentos são partes intrínsecas de uma franquia. É através deles que a expansão da rede é possibilitada. Afinal, franqueados adquirem o conhecimento necessário para gerir uma unidade nos padrões de qualidade da marca. Além disso, bons programas de capacitação são importantes para a rotatividade da empresa: tanto na contratação de novos funcionários, como de novos franqueados.

São as práticas de gestão de conhecimento que delimitam o que deve ser ensinado nos treinamentos e quais as melhores ferramentas para a transmissão de know-how. É importante que a capacitação seja contínua durante o dia-a-dia das lojas, indo além das aulas iniciais. Assim, franqueados e funcionários evoluem seu conhecimento e se tornam cada vez mais aptos a resolverem situações cotidianas, sem a necessidade de acionar o suporte da rede.

Quando serviços e produtos são feitos de forma incorreta, ou quando decisões erradas trazem prejuízo para a unidade, a rede sai prejudicada? Retrabalhar processos é um problema para toda empresa, pois isso significa, principalmente, perda de dinheiro do caixa. Normalmente, as causas dos erros são encontradas na falta de suporte no decorrer da operação. Ao evitar incapacidades e desatenções, a gestão de conhecimento previne complicações.

Dica

As aulas online pelo chamado EAD (ensino à distância) ficam disponíveis para acesso a qualquer momento, podendo ser consultadas sempre que necessário em qualquer unidade de franquia. Manuais disponibilizados na Internet também podem ser suficiente para a solução de problemas de rotina. O módulo operacional da Central do Franqueado possibilita o acesso por todos os operadores, que podem consultá-lo quando dúvidas surgirem.

Gerir conhecimento é possibilitar a evolução de operações. É dessa forma que serviços e produtos são qualificados. Isso tem impacto direto na experiência e no consumo dos clientes. Qualificar o trabalho dos operadores e funcionários é elevar o nível de toda a rede de franquias.

A expansão, entretanto, é um trabalho em equipe. O franqueador, ao reconhecer a importância da transmissão de conhecimento, entende que sua função gerencial não é exatamente predominante em todo o negócio. Ao expandir a rede, está passando a bola para outros empreendedores: os franqueados.

Contar com o investimento de terceiros é abrir mão do total controle. Nisso, se demonstra a importância da gestão de conhecimento. Ela existe para proporcionar algo além do aprendizado. Com ela, é conquistada a confiança e a tranquilidade de que o trabalho está em boas mãos.

Ao definir, otimizar e aperfeiçoar processos, o conhecimento oferece ao negócio a vantagem de ser firme e estabelecido no mercado. Uma inteligente gestão de conhecimento garante estabilidade.

Leia mais sobre gestão em franchising no nosso blog! Aproveite também para conhecer mais sobre nossa plataforma online de gerenciamento de redes de franquias e entre em contato conosco.

Software para Franquias - Peça sua Demonstração agora!