INTERNACIONAL

Todo mercado é diferente, até mesmo mercados de cidades próximas. São muitas as coisas que definem suas demandas e tendências, como por exemplo, o comportamento social dos consumidores e a atividade comercial do local. Por isso que determinados negócios podem ou não dar certo em determinadas localidades. Às vezes, a aceitação do público ao produto ou serviço oferecido é baixa. Às vezes, não há espaço para a marca em meio a uma concorrência local forte, já estabelecida.

Se isso acontece em âmbito regional, imagine internacionalmente? Adentrar territórios de outros países é um desafio imensurável para qualquer empreendedor. Para que isso aconteça de forma bem-sucedida, é necessária muita pesquisa de mercado e posterior adaptação do negócio para implantação lá fora. Agora, se a empresa funciona no formato de franchising, o caminho é facilitado e menos arriscado, pois a expansão acontece a partir do investimento de terceiros, muitas vezes já inseridos nos países. Para você ter uma ideia, são *cerca de 150 redes de franquias brasileiras com atuação em mais de 100 outros países. A internacionalização de marcas nacionais também se dá pela exportação de produtos, por exemplo.

Nesta seção do blog, encontram-se conteúdos relacionados a maneira como acontece a expansão internacional no franchising.

*Dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF)