Conheça os segredos por trás do sucesso da Cacau Show

A Central do Franqueado vai falar um pouco sobre a maior rede de chocolates finos do mundo e terceira maior rede brasileira de franchising. Descubra os segredos que transformaram a Cacau Show num dos maiores exemplos de franquias de sucesso do Brasil.

Neste conteúdo você vai conferir os seguintes tópicos:

Se fosse lançada uma votação popular para a escolha do símbolo mundial da felicidade, é bem provável que o vencedor fosse o chocolate. Se a eleição ocorresse apenas no Brasil, não restaria dúvida sobre o resultado da disputa. Afinal de contas, poucas coisas têm tanta capacidade de unir as pessoas como uma barra desse produto que é admirado por onze a cada dez brasileiros.

Cacau Show

Atuando há mais de 30 anos neste mercado altamente promissor dos chocolates finos, a Cacau Show se tornou a terceira maior rede de franquias do Brasil — atrás apenas do SubWay e do Boticário. Atualmente, a marca conta com mais de 2.300 lojas — 95% franquias — espalhadas por todos os estados do país, atende cerca de 53 milhões de clientes por ano, comercializando mais de 300 milhões de unidades dos mais variados produtos, todos eles a base de chocolate.

Em 2017, o faturamento da Cacau Show chegou a R$ 3,3 bilhões de reais. O valor equivale a 2% do que foi movimentado por todo mercado de franchising no ano. Ao todo, são mais de mil municípios atendidos diretamente pela marca e mais de 10 mil pessoas empregadas em todo o país.

Números da Cacau Show no ano de 2017

Vantagens de investir na Cacau Show

Como mencionamos anteriormente, a Cacau Show é  a maior rede de chocolates finos do mundo. Trata-se de uma empresa consolidada, líder de mercado e referência até mesmo fora do Brasil.

Um dos principais diferenciais da Cacau Show é o casamento entre a qualidade e os preços acessíveis. O sucesso da marca também é consequência da grande variedade de produtos oferecidos aos consumidores.

Produto de entrada da Cacau Show, as trufas são encontradas por menos de R$ 3 no varejo

Como não poderia de ser, o mercado de chocolates enfrenta algumas sazonalidades de demanda ao longo do ano. Ou seja, a busca por algumas mercadorias no verão não é mesma se comparada ao período de inverno.

Por isso, ao ingressar na rede, além do mix completo de chocolates, as unidades contam com direito aos serviços de cafeteria e venda de waffles, panetones, gelatos, petit gateau e fondues, que garantem fluxo em todas as épocas do ano.

Os produtos Da Cacau Show são presença certa tanto na ceia de natal quanto na beira da praia

Diferenciais da franquia Cacau Show

A Cacau Show oferece uma série de serviços aos franqueados para garantir o sucesso do empreendimento. Para transmitir o espírito da marca e ajudar os operadores de rede, a empresa possui uma consultoria de campo. O suporte especializado auxilia os empreendedores em diversos aspectos.

A marca é uma das empresas do segmento que mais investe em publicidade e marketing. Por ano, são mais de 20 campanhas, proporcionando presença expressiva na TV, rádio e internet. O melhor de tudo é que elas atingem todas as franquias, eliminando a necessidade de ações individuais. Além disso, a Cacau Show oferece diversos outros benefícios, tais como:

  • Ajuda na pesquisa pelo melhor ponto comercial e implantação da loja;
  • Assistência na operação da franquia;
  • Desenvolvimento de material promocional;
  • Parceria com fornecedores homologados;
  • Assistência jurídica;
  • Elaboração de marketing institucional;
  • Treinamento para o consultor da loja.

Perfil do franqueado Cacau Show

A principal qualidade que um empreendedor precisa ter para se tornar parceiro da marca é a aptidão para o varejo. Isso segundo as palavras do fundador e presidente da Cacau Show, Alexandre Tadeu da Costa.

Por mês, cerca de 2 mil pessoas procuram a empresa em busca de informações sobre como se tornar um franqueado. Deste total de interessados, em média, apenas 20 são selecionados. Mas por que esse índice tão baixo?

Não é novidade que, para que um negócio se torne, de fato, uma franquia de sucesso, o comprometimento do franqueado é indispensável. No entanto, de acordo com o empresário, nem todo mundo que procura a empresa possui o perfil necessário para gerir uma loja.

Para Costa, a participação do franqueado no dia a dia da unidade é fundamental para ela se torne um negócio lucrativo. O empreendedor deve estar sempre presente na loja, motivando as pessoas e dando apoio aos colaboradores.

Segundo ele, isso é indispensável, também, para a manutenção do padrão de qualidade da marca. Por este motivo, na maioria das vezes, a marca acaba selecionando apenas uma minoria dos interessados.

Além disso, a Cacau Show também valoriza quatro princípios para garantir o desempenho da franquia – dos treinamentos à gestão do negócio. Reunindo todos eles, você tem as qualidades empreendedoras mais importantes para o sucesso da sua loja:

  • Habilidade: Mostrar desenvoltura de gestão e negociação e buscar sempre novas oportunidades;
  • Compromisso: Cumprir as responsabilidades com a franqueadora, fornecedores e colaboradores;
  • Zelo: Ter dedicação ao negócio para garantir a qualidade do atendimento e da exposição dos produtos;
  • Investimento: Reunir o próprio capital e investir no formato certo para o seu perfil.

Tenho o perfil e quero investir

Se você tem o perfil do franqueado da Cacau Show e quer fazer parte do negócio, terá que cumprir algumas etapas.. O primeiro passo é preencher o cadastro de pré-qualificação no site da empresa.

Caso ele seja aprovado, você será convidado a participar de uma reunião presencial para a apresentação do modelo de negócios. Na ocasião você terá a oportunidade de obter todos os esclarecimentos sobre a franquia. Em seguida, a matriz faz uma avaliação sobre o ponto sugerido e a respeito do seu perfil empreendedor.

O investimento inicial mínimo para tornar-se um franqueado é de R$ 19 mil. Não são aceitos empréstimos e linhas de crédito. O tempo estimado para o retorno do valor investido é de 18 a 24 meses – o que pode variar de acordo com a operação e a performance da loja.

Modelos de Investimento

Além do modelo convencional de lojas, a Cacau Show conta com diversas modalidades de investimento para quem está afim de se tornar um franqueado da rede.

Mega Store

Modelo temático com centenas de metros quadrados que conta com diversas atrações. Nelas os clientes podem acompanhar os processo de fabricação de chocolates, além de saborear produtos exclusivos. O espaço conta com cafés além de diversas atrações especiais. A parte ruim é que são necessários alguns milhões de reais para abrir um modelo deste porte. Os valores exatos não foram divulgados.

Lojas

Formato que permite a gestão de sua própria loja física, com direito ao mix completo de chocolates para consumo e presentes, além de serviços como cafeteria e venda de waffles, gelatos, petit gateau e fondue – que garantem fluxo em todas as épocas do ano.

  • Convencional: Investimento a partir de R$ 238.700;
  • Smart: Investimento a partir de R$165.000.

Loja POP

Formato para cidades com até 30 mil habitantes. Mantém a arquitetura o modelo e oferece aos clientes todas as experiências oferecidas nas das lojas convencionais.

  • Investimento: a partir de R$ 155.000;

Quiosques

Idealizado para atendimento em 360 graus, pronto para atuar em excelentes pontos de venda. Formato perfeito para galerias e hipermercados, oferecendo itens de consumo do dia a dia e presentes.

  • Express: a partir de R$ 130.000;
  • Premium: a partir de R$ 191.000.

Chocolateria

Móvel portátil aplicado a universidades, hospitais, grandes empresas, supermercados. Nele, o franqueado consegue operar com o comércio de chocolates – uma linha mais para consumo do que para presente – e com a venda de cafés e fondues.

  • Investimento: entre R$ 75 mil.

Gelateria

Quiosques em formato de carrinhos que trabalham com a linha de gelatos italianos, além dos chocolates tradicionalmente conhecidos.

  • Investimento: a partir de R$ 75 mil.

Microfranquia de Distribuição

Modelo no qual o franqueado opera exclusivamente com vendas corporativas e com vendas diretas. Não necessita de um ponto comercial.

  • Investimento: Não informado.

História da Cacau Show

Atualmente, a Cacau Show é uma empresa que vale alguns bilhões de reais no mercado, No entanto, quem vê esse sucesso absurdo não pode imaginar que tudo começou dentro de uma sala de 12 metros quadrados e com um investimento inicial de apenas 500 dólares.

O ano era 1988 e o empresário Alexandre Tadeu da Costa, na época, não tinha sequer completado a maioridade. Filho de pais comerciantes, desde cedo acostumado com os negócios, o adolescente resolveu ele também se tornar um empreendedor.

Alguns anos antes, a sua mãe havia tentado entrar no ramo dos chocolates, porém, sem obter muito sucesso. De posse da único patrimônio que havia sobrado da mal sucedida iniciativa: uma lista de contato de fornecedores e de possíveis clientes, Costa saiu pela zona norte de São Paulo oferecendo encomendas do produto.

Logo no primeiro dia, obteve um pedido de dois mil ovos de chocolate de 50 grama em uma escola. Entretanto, para sua surpresa, ao entrar em contato com os fornecedores, descobriu que nenhum deles fabricava o produto com esse peso.

Empresário Alexandre Tadeu Costa na primeira “fábrica” da Cacau Show

Em vez de recusar o pedido, no entanto, o jovem resolveu pôr a mão na massa. Conseguiu os US$ 500 emprestados com o tio, comprou toda a matéria prima necessária, contratou uma ajudante e, ao longo de três dias, trabalhando 18 horas diárias, produziu os dois mil ovos de chocolate e cumpriu o acordo com a escola.

Mercado promissor

Após a experiência, ele percebeu que havia um mercado muito pouco explorado de chocolates artesanais e resolveu ingressar no ramo. Utilizou os US$ 500 que obteve de lucro além do valor devolvido ao tio para investir no negócio. A partir de então, passou a produzir os chocolates e vender para pequenos estabelecimentos da capital paulista.

O negócio permaneceu neste formato até o dia em que Costa decidiu voltar a trabalhar somente com as vendas domiciliares, por considerá-las mais segura. Mas ele não sabia que o antigo formato também teria seus dias contados.

Crescimento e as primeiras lojas

Mesmo operando no formato de vendas domiciliares, o sucesso da Cacau Show perante o público aumentava a cada dia. Na páscoa de 2001, ao entregar um grande volume de ovos de chocolate a um casal de revendedores os produtos acabaram ocupando todo o apartamento do casal , Costa teve a ideia de alugar um ponto comercial e atuar diretamente no varejo.

Na verdade, a ideia inicial era usar o local apenas como uma espécie de depósito, operando no comércio apenas para cobrir os custos de aluguel. No entanto, mais uma vez, o modelo de negócio acabou superando todas as expectativas.

O ótimo desempenho fez com que as lojas fossem ampliadas. Em um ano foram instaladas mais 18 unidades. Em dois anos, saltaram para 46. Quatro anos depois, eram nada menos do que 230. Atualmente, as lojas da Cacau Show somam mais de 2.300 unidades espalhadas por todos os estados brasileiros.

E aí, gostou do conteúdo? Então fique de olho no nosso blog e confira diversos outros materiais sobre o universo do franchising.

Vale Ler:  Hinode: conheça tudo sobre a rede de cosméticos
Solicite uma Demonstração para sua Rede de Franquias!