Os treinamentos são uma das bases estruturais do funcionamento do franchising. É a partir do treinamento e da transferência do know-how da franqueadora que o franqueador conhece os detalhes sobre a gestão do negócio e também as nuances operacionais da rede em que está ingressando.

Porém, engana-se quem pensa que o treinamento para franquias se resume aos ensinamentos iniciais. O treinamento inicial é importante, pois é a base do trabalho do franqueado com a franquia. Mas, com a vivência operacional, vão surgindo novas demandas e é preciso que toda a rede permaneça constantemente alinhada, qualificada e atualizada.

Nesse processo, a educação constante da rede é essencial e os treinamentos ganham destaque. Trouxemos hoje alguns treinamentos oferecidos pelas franqueadoras aos franqueados.

Plano de treinamentos

É de responsabilidade da franqueadora, ao entrar no ramo do franchising, elaborar em detalhes um plano de treinamentos de acordo com as necessidades da franquia e o retorno dos franqueados.

É preciso definir quais treinamentos vão ser concedidos, quem vai ser treinado (franqueados, funcionários, consultores de campo, entre outros), qual a frequência dos treinamentos, metodologia de ensino, duração etc.

As consultorias de campo e as auditorias são importantes aliados do plano de treinamentos. É a partir dos resultados obtidos e das análises sobre os resultados das unidades que será possível ver onde cada franquia está falhando e também em que pontos deve ser reforçada.

O plano de treinamentos deve ser definido, mas precisa ser flexível para absorver eventuais mudanças na rede.

tipos-de-treinamento-franquias

Treinamento inicial

É o primeiro contato mais profundo do franqueado com a cultura da franquia. No primeiro treinamento são reforçados os valores e a identidade da marca, de forma que os franqueados façam ações que vão de encontro ao que foi estabelecido pela marca.

É no treinamento inicial que será apresentado em detalhes a rotina de operação da empresa: os processos, o contato com os funcionários e a dedicação necessária para tocar a unidade. Serão repassadas também as bases necessárias para a gestão do negócio, com iniciações financeiras e comerciais, por exemplo.

Não é apenas para os franqueados que vale o treinamento inicial. Para a equipe da franquia também é importante ter contato com o padrão da franquia. Uma estratégia eficiente é disponibilizar alguns módulos do treinamento inicial no formato de vídeo para exibição à distância.

Dessa maneira, sempre que um novo funcionário entrar na equipe ou que algum integrante quiser rever o conteúdo, o material estará disponível.

Também é importante que os manuais da franquia estejam alinhados com os treinamentos, transmitindo os mesmos conteúdos e ideias. Os manuais e as consultorias de campo também são elementos importantes para a formação do franqueado e de sua equipe.

Treinamento e motivação de equipes

Os franqueados devem ser ensinados para serem multiplicadores do conhecimento. Se os franqueados estiverem conscientes da gestão e do operacional da franquia, fica mais fácil que eles mesmos ensinem a sua própria equipe. Entra aí também a capacidade de motivar e incentivar os seus funcionários.

Muitas redes de franquia pedem, como perfil do franqueado, um profissional com espírito empreendedor e liderança. Porém, esses atributos também devem ser lapidados por meio de treinamentos e capacitações.

Oferecer autonomia para o franqueado também é uma maneira de fazê-lo se sentir mais eficiente e responsável pelo sucesso da sua unidade.

Atendimento ao público e vendas

Em 2015, as empresas brasileiras perderam cerca de 217 bilhões de dólares devido a clientes que migraram para a concorrência insatisfeitos com os serviços prestados. O cálculo foi feito pela Accenture com base em dados colhidos em uma pesquisa que ouviu 24 mil pessoas de 33 países, 1.300 delas do Brasil.

De acordo com a pesquisa, 86% dos consumidores brasileiros aderiram ao concorrente no ano passado. Se bem atendidos, em 92% dos casos os clientes teriam ficado na empresa.

Atender bem os clientes é essencial para a boa imagem da rede e isso deve ser continuamente reforçado em treinamentos e avaliado em pesquisas de satisfação.

Reciclagem

De acordo com o SEBRAE, a franquia deve oferecer treinamentos toda vez que tiver o ingresso de novos franqueados na rede, novos produtos ou serviços incluídos no sistema ou no momento em que sentir que é preciso reforçar treinamentos já realizados.

Como dito anteriormente, os consultores de campo e o franqueador deve estar constantemente monitorando o desempenho da unidade por meio de consultorias e de auditorias. As reciclagens de treinamentos são essenciais para manter o padrão da rede e devem ser realizadas periodicamente e sempre que for percebida sua necessidade.

Treinamentos para o franqueador

Não são apenas os franqueados que devem receber treinamentos. Os franqueadores também devem estar em constante processo de aprendizagem para manter a qualidade e a inovação da rede.

Entre as capacitações que o franqueador pode realizar estão questões como desenvolvimento de liderança, estratégia, inovação, vendas, recrutamento e treinamento, legislação do franchising, resolução de conflitos, marketing entre outros.

Outra questão essencial é a participação em feiras e eventos de franquia. Esses ambientes permitem um aumento do networking e uma rica troca de ideias com outros empresários do ramo.

Lembrando que os treinamentos podem ser oferecidos em vários modelos. O que importa é que a mensagem seja passada e que os envolvidos aprendam com as lições que foram ensinadas. Respeitado esse princípio vale apostar em aulas presenciais, à distância, em forma de dinâmica, simulação, exemplos etc.

Os franqueados também têm direito de opinar sobre os treinamentos e as políticas de capacitação da franquia. Enquetes online, por meio de uma plataforma online para a franquia, ou em convenções de franqueados, podem ser espaços interessantes para reunir sugestões dos envolvidos e aprimorar os processos.

Quer abrir uma franquia e não sabe por onde começar?

CONHEÇA NOSSO CURSO
logo data-recalc-dims=